agradecimento

terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

TEIXEIRA DE FREITAS BA.(Fotos ,Mapa,Historia)









Legislação Política-Administrativa
Lei de criação: 4.452 Data de 09 de maio de 1985; Diário Oficial 10 de maio de 1985 Município de origem: Caravelas, Alcobaça, Fronteiras com Alcobaça, Caravelas, Medeiros Neto, Vereda e Prado.

Origem do Nome

O Município de Teixeira de Freitas recebeu esse nome em homenagem ao sr. Mário Augusto Teixeira de Freitas. Este era baiano, licenciado em Direito, professor de Estatística - IBGE, tendo falecido no início do ano de 1957, e por sugestão do sr. Miguel Geraldo Farias Pires, na época, agente de Estatística do Município de Alcobaça, e por sua sugestão à Câmara Municipal de Alcobaça deu o nome do estatístico ao antigo Povoado de São José de Itanhém, Teixeira de Freitas. Nessa época, era prefeito do Município, o sr. Manoel Euclides Medeiros.

História

Foi no início da década de 50 que chegaram os primeiros habitantes no local onde mais tarde seria Teixeira de Freitas, destacando-se entre esses: Servídio Nascimento (pai do ex. Vereador Osair Nascimento), Aurelino José de Oliveira, Hermenegildo Félix de Almeida, Júlio José de Oliveira (conhecido por Júlio Rico) e mais tarde Joel Antunes e Manoel de Etelvina. Inicialmente a cidade recebeu o nome de "Arrepiado" e depois o nome de São José de Itanhém. Somente em 1957 é que passou a chamar-se Teixeira de Freitas. O Município se emancipou em 09 de maio de 1985, através da Lei nº 4.452 e se instalou em 1º de janeiro de 1986. O território do município foi construído com a fusão de áreas de terra dos Municípios de Alcobaça e Caravelas, uma vez que o Povoado se localiza em áreas desses Municípios, e possui uma área de 104.600 hectares.

Nossa Cidade

Localizada no Extremo Sul da Bahia e município integrante da Costa das Baleias a cidade atrai visitantes tanto da região quanto de estados vizinhos que são seduzidos pela diversidade de serviços oferecidos.
O turismo de negócios é o segmento que se destaca, pois muitos visitantes se deslocam para a cidade visando a concretização de negócios e também por encontrar a estrutura necessária como uma ampla rede hoteleira, com instalações confortáveis e qualificados espaços para eventos. Muitos e bons restaurantes garantem o prazer da boa mesa em diversificadas qualidades, da culinária regional até a internacional. outro ponto importante do município é a promissora variedade comercial e industrial, além da disponibilidade de mão-de-obra profissional e qualificada, gerada principalmente pela multiplicidade de cursos oferecidos pelas faculdades particulares e universidade pública. Aqui você encontrará um pequeno guia com informações sobre a indústria e o comércio, meios de hospedagem, alimentação e opções de lazer e turismo da cidade.

Segundo a Revista Veja, edição 01/09 de 2010 que apresentou um estudo das cidades brasileiras, observou-se que das 233 cidades, sete são capitais estaduais e por isso têm privilégios na distribuição de recursos públicos. Diante disso, Veja analisou outros 226 município médios para identificar os alicerces nos quais eles ergueram sua economia, dentre os 106 município que mantiveram entre 2002 e 2007 uma taxa de crescimento económico igual ou superior à nacional, de 4% ao ano, encontramos Teixeira de Freitas que aparece na relação ocupando a 12ª colocação nacional e a 4ª colocação entre os município baianos.
Desta relação, observa-se que o comércio é a principal fonte de renda de 25% das cidades médias brasileiras, que se tornaram pólos regionais com grandes redes varejistas e atacadistas, no caso de Teixeira de Freitas, iremos abordar estes e outros temas.Assim como na Revista Veja, propõe-se um estudo aqui neste espaço, sobre nossa cidade a partir dos tópicos abaixo.

Nossa Economia


Segundo o IBGE, o Produto Interno Bruto - PIB da economia de Teixeira de Freitas concentra-se nos setores: da Agropecurária, da Industria e de Serviço (como mostra o gráfico).Observa-se que o Setor de Serviço apresenta 80% do PIB, enquanto o Setor de Indústria 15% e Agropecuária só 5%. Diz-se que os fornecedores de serviços formam o setor terciário de uma economia. Com isso, é possível afirmar que Teixeira de Freitas tem sua economia voltada para o setor terciário, impulsionado pelo surgimento de constante busca deste setor. Na Indústria o crescimento foi tímido em relação a Serviço,vale salientar que os dados que o IBGE disponibiliza atualmente, são de 2009, e que muitas mudanças já ocorreram deste então. Na Agropecuária, já nos destacamos em um cenário o onde o Brasil é o maior produtor de mamão do mundo. Com excelentes condições de desenvolvimento no País e possibilidade de cultivo em todas regiões, a produção em 1998, chegou a 1,7 milhão de toneladas, cerca de 30 a 35% da produção mundial. A Bahia, mais precisamente a região de Teixeira de Freitas, teve o maior foco produtivo, seguido pela região de Linhares, no norte do Espírito Santo.

Nenhum comentário: